Jump to content

rafaelsrv

Junior Member
  • Content Count

    9
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1

rafaelsrv last won the day on May 13

rafaelsrv had the most liked content!

Community Reputation

1

Recent Profile Visitors

82 profile views
  1. A boa notícia é que aparentemente o gargalo é por cada conexão isolada, e não de modo global... fiz download simultâneo de um arquivo hospedado no servidor Holanda a partir de 3 lugares: 1 servidor no Canadá (1Gbps), 1 servidor em Miami (1Gbps) e em minha casa (200Mbps). O tráfego de saída do servidor Holanda chegou a atingir 600~700Mbps.
  2. Fiz também. Mesma coisa, em todos os speedtests não consigo passar de 300Mbps. Inclusive selecionando hosts de Nova York, que costumam ter uma conexão mais direta com a Europa...
  3. Quando você tiver uma oportunidade (e se tiver claro um servidor de 1Gbps) faz um teste de velocidade contra um servidor que esteja em um continente diferente. De preferência América do Norte vs Europa e veja o comportamento. Neste site tem vários testfiles de servidores americanos e europeus: https://www.datapacket.com/network
  4. Não é questão de conversão de unidades, pode ver que lá em cima eu mencionei que 200Mbps=25MB (200bits/8bits=25Bytes). Meus servidores são de 1Gbps (=1000Mbps=125MB/s). Servidor Holanda agora batendo em torno de 800Mb: Servidor Canadá: Claro que tem momentos que não fica constante, chegando a 400, 500Mbps, dependendo do horário do dia... Sei do fator "aumento da demanda na rede global", mas a minha dúvida é: o que pode fazer essa taxa ficar constante em 25MB/s (conforme o gráfico ali de cima. ) entre esses dois servidores meus? Limitações geográficas? Distância?
  5. Olá a todos! Surgiu uma dúvida aqui, tenho um servidor no Canadá de 1Gbps e outro na Holanda de também 1Gbps. Fui monitorar um backup saindo do Canadá e indo pra Holanda e vi que não passava de 200Mbps (25MB/s, vide imagem anexa). Não é problema de congestionamento nos DCs pois dei wget em testfiles de servidores localizados nos mesmos continentes de cada dedicado e batia próximo de 1Gbps. Mas sempre que faço teste América do Norte x Europa (nos dois sentidos), a transferência não passa de 300Mbps. O gargalo seria puramente a localização geográfica ou tem algo a mais pra ser levado em con
  6. Obrigado a todos, já estou com o LiteSpeed rodando!
  7. Obrigado pela resposta. Já tenho revenda WHM há uns 12 anos, e há 1 ano estudando sobre gerenciamento... estou decidido a pular de nível, mesmo sabendo que por alguns meses os ganhos não superem os custos. Meu dedicado está num RAID 1 de 2x1,92TB SSD NVME, processador Intel Xeon-E 2136 - 6c/12t. Desempenho em hardware estou satisfeito, por isso quero entender até que ponto pagar a mais por uma licença LiteSpeed fará diferença... Antes de migrar para LiteSpeed, você sentia que já tinha otimizado ao máximo possível o cache no Nginx para sentir de fato a melhora?
  8. Olá a todo! Vejo muitos comparativos de benchmarking tratando de "Nginx x Apache", "LiteSpeed x Apache" ou ainda "LiteSpeed x Nginx". Mas existe uma outra combinação com muito pouca informação. A minha ideia é montar um pequeno serviço de hospedagem em Plesk, e li que uma boa opção é usar Apache como webserver (pois o .htaccess é muito útil em hospedagem compartilhada), e utilizar Nginx para cache/proxy reverso. Isso daria um ótimo ganho de desempenho. Mas, na prática, alguém sabe se essa combinação chegaria próximo ao desempenho do LiteSpeed?
  9. Olá a todos! Alguém com conhecimento prático em Plesk para me dizer se existe vantagem em usar o CloudLinux para Plesk, sabendo que existe para este a extensão "Cgroups Manager" que também limita uso de CPU/RAM/Disco por conta?

Chat

Chat

    You don't have permission to chat.
    ×
    ×
    • Create New...