Jump to content

DekWorld

Z
  • Content Count

    17
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1

DekWorld last won the day on October 25 2013

DekWorld had the most liked content!

Community Reputation

0

Personal Info

  • Name
    Tiago de Souza

Contact info

  1. Não servido, falei exclusivo e não com Nginx, você que não entendeu minha colocação. Seu post é resumido e padrão não tem nada profundo apenas explicando passos de instalação, fora a VCL que foi dado praticamente um ctrl+c e ctrl +v. Bom era isso e fim do post já que saiu do FOCO e quis de todas as formas defender seu post no qual não tem nada haver com ApacheBooster.
  2. Meu nome é tiago e não Watson. Em nenhum momento disse que Varnish é Webserver, disse para usar ele como cache de imagem que resumindo seria proxy estilo squid como voce disse. Desde o começo da conversa disse que é uma apresentação do ApacheBooster e suas vantagens para iniciante, nem cheguei a se aprofundar no caso, pelo que vi e notei você não deve gostar do Varnish, mais nignuem é obrigado a gostar também. Obs: Apresentação e Instalação de ApacheBooster e não Varnish ok, porém vi eu auto grau de conhecimento e seria interessante abrir um tropic novo para dar uma aula para gente, e
  3. Não uso ApacheBooster e nem NginxAdmin, prefiro editar tudo na mão e fazer padronizado para meu melhor uso, editando diretamente via console, prefiro usar scrip shell personalizado por mim, sem usar interface WEB como você. Sobre o ponto direto ou não o foco era uma apresentação do ApacheBooster que tanto questionou, ninguém é obrigado a usar o mesmo e nem NginxAdmin, foi escrito e dado como tutorial para uso de quem estiver interessado e depois se quiser editar, instalar na mão, fazer via NginxAdmin fica critério de cada um, pois se notar é para iniciantes que estão começando a mexer com
  4. Sim conheço e mexo com Squid, sei que não existe Cache para HTTP, porém existe para módulos como Varnish pois se armazena em memória o item e o mesmo pode ser acessado várias vezes sem uma nova consulta o vídeo está bem claro que é assim que funciona. Sobre Interface Web para administração tanto ApacheBooster quanto NginxAdmin podem ser editados na mão, pois o código é aberto, vai do conhecimento de cada um, então não vejo erro algum para ApacheBooster ele vem como padrão algumas funções para iniciantes no assunto no qual pode ser modificado e ficar tão bom quando uma edição via NginxAdmin
  5. Olá, Varnish não é apenas um proxy funciona com sistema de Cache quando bem configurado também pois sua principal função é ser Cache e não Proxy. Nginx pode ser usado como proxy porém sua principal função é o motor de processamento rápido que ele tem, por isso falei acima usar ele para processar scripts e pedidos ligados enquanto usar Varnish como cache de imagens, css, etc. Outro detalhe em nenhum momento disse para não usar somente Nginx, isso vai de admin para admin e o conhecimento que ele tem. Sendo que ApacheBooster é um script e vem tudo configurado para Varnish e pode s
  6. Na verdade Varnish é apenas um direcionado ao consultas no qual se reserva, sendo assim se poupa processamento e memória, pois está locado em cache, com isso se ganha performance e rapidez em carregamento de imagens, css, etc. Já o Nginx sistema de cache para o servidor web, também se ganha muita performance, mais se separar consulta de processamento se ganha mais desempenho, por isso normalmente se usa os 2. Varnish para imagens, css, etc Nginx para processamento de scritps . Porém nada impede de usar um ou outro, vai da visão do admin para ver as necessidades do servidor e su
  7. Olá a todos, Pessoal que tem pouco conhecimento em Linux e Configuração vou postar um script gratuito que realmente funciona, testado por mim. Teste realizado em Centos 6.3 + WHM/Cpanel Esse script vai instalar Varnish + Nginx e criar um modulo dentro do WHM para gerenciamento e monitoração dos serviços. Quase sempre sai um update novo e correção de BUGS. Vantagem que o código é aberto pode ser modificado, gratuito e funciona. Depois de instalado é só acessar seu WHM e modificar como gostaria ou deixar como padrão pois ao final da instalação já vai estar rodando Varnish
  8. Autor: Andrei Drusian eMail: drusian[NOSPAM]linuxbsd.com.br Data: 2002 Um cliente proxy se coloca entre o servidor e o cliente de rede, gerenciando o trafego de informações entre ambos. Seu uso mais frequente em redes seria quando os computadores de rede não tem acesso direto à internet, mas podem contar com um servidor de comunicação que tem este acesso. Neste caso, uma das soluções possiveis é a instalação de um Servidor Proxy no computador, que dá acesso à internet, para servir de intermediário entre os navegadores instalados junto a rede e os servidores web da internet. O Squ
  9. Normalmente o servidores linux por padrão colocam ^M no final de cada linha, para uma edição ou até mesmo para alguns script incrivelmente se da BUG, principalmente em alguns scripts shell. Para não precisar editar linha por linha existe um programa que faz o serviço todo. Serve em todas versões e distribuições Unix e Linux. Rode como ROOT # dos2unix seuarquivo.sh
  10. Com Acesso ROOT execute. chattr -i /usr/bin/* chattr -i /bin/*
  11. * Precisa de Acesso ROOT e Ter no mínimo 2 HDS na máquina * Depois de uma instalação nova para se fazer. * Exemplo a Baixo é do meu Servidor de Backup que é externo, independente do servidor Web, então não tem necessidade de ter um RAID físico, no qual são 4 HDS em RAID 6. Verificar status do Raid. cat /proc/mdstat Analisando todos os [uUUU] representa que todos os HDS estão sendo sincronizados. Caso mostre [uUU_] significa que um dos HDS não está sincronizado no RAID. Verificar em tempo real. watch -n 1 cat /proc/mdstat Sincronizar Raid Software.
  12. O primeiro passo é identificar o HD: # fdisk -l /dev/hda Disk /dev/hda: 160.0 GB, 160041885696 bytes 255 heads, 63 sectors/track, 19457 cylinders Units = cylinders of 16065 * 512 = 8225280 bytes Device Boot Start End Blocks Id System /dev/hda1 * 1 13 104391 83 Linux /dev/hda2 14 19457 156183930 8e Linux LVM # mount /dev/hda2 /tmp/mnt mount: /dev/hda2 already mounted or /tmp/mnt busy First, let’s determine the volume group containing the physical volume /dev/hda2. Verifique que o comando acima retornou erro informand
  13. Precisa acesso ROOT. Servidor Linux com cpanel instalado. Execute na seguinte ordem. /scripts/updatenow /scripts/mailperm /scripts/fixrelayd /etc/rc.d/init.d/antirelayd restart service exim restart /etc/init.d/chkservd restart
  14. (D) DoS-Deflate script basically monitors and tracks the IP addresses are sending and establishing large amount of TCP network connections such as mass emailing, DoS pings, HTTP requests) by using “netstat” command, which is the symptom of a denial of service attack. Script basicamente acompanha e monitora os endereços IP estão enviando e cria grande quantidade de ligações de rede TCP, como massa emailing, DoS pings, solicitações HTTP), utilizando "netstat" comando, que é o sintoma de um ataque de negação de serviço. When it detects number of connections from a single node that exceeds certai
  15. Primeiramente iremos criar nosso backup pode ser feito via cpanel em backup full ou via shell. Em nosso caso iremos faze-lo via shell. Primeiro passo. Entre no diretório /home como root. Execute o seguinte comando: /scripts/pkgacct pasta #pasta do conta Para enviar o backup de servidor para servidor execute o seguinte comando: scp -Cp cpmove-<USERNAME>.tar.gz [email protected] ip address:/home Se preferir abaixar o arquivo full e enviar novamente para o novo servidor, pode fazer isso via FTP, recomendo para users inesperientes. Após ter colocado o backup ful
×
×
  • Create New...