O que é e como hospedar um site?

0
Este post tem 4 anos. Tenha isto em mente ao ler seu conteúdo.

Agora que você decidiu que quer abrir uma empresa de hospedagem, vamos nos certificar de que você saiba do que se trata. Afinal, quanto mais conhecimento for acumulando, mais fácil será resolver os problemas que possam aparecer no futuro. Hospedar um site nada mais é do que disponibilizar os seus arquivos através de um servidor conectado à Internet. Vamos ver resumidamente como é este processo:

  1. Você digita blogdohost.com no seu navegador e aperta enter;
  2. Então, seu navegador pergunta pro servidor de DNS se ele sabe de algum IP relativo a este domínio;
  3. Ele faz isso entrando em contato com um servidor de DNS raiz, que vem a ser a Entidade de registro de domínios;
  4. Aí ele responde: “Vixe, sei não, toma uma referência para os que acabam em .COM e lá você se informa”;
  5. Chegando lá, o servidor de DNS .COM diz: “Ah sim… o blogdohost, a Angel é gente fina. Anote aí o IP do servidor dela…”;
  6. Quando seu navegador finalmente tem o IP em mãos (ou em memória, em cache, sei lá), ele vai bater na porta do meu host e exige: “Ei, quero acessar o blogdohost”;
  7. Daí ele te confirma que de fato, o BDH mora lá e te redireciona para o site, que nada mais é que uma pasta dentro do servidor dele.
  8. E fim.

Mas isto ocorre tão rápido que você não se dá conta. E tudo é feito com redundância, se um não sabe de nada, passa-se para outro até alguém informar onde está o tal domínio. São bilhões de requisições diárias. É por isso que existe a tal propagação de DNS. Quando você altera alguns dados do seu domínio, leva algum tempo até que todos estes servidores se atualizem e sejam notificados da sua mudança. Por isso, às vezes, após uma mudança de IP ou DNS, um site fica inacessível para alguns.

Como vender hospedagem

Agora que já entendemos o que é hospedar um site, vamos ver como podemos revender hospedagem.

Programa de Afiliados/Parcerias

Em um programa de afiliados, você apenas oferece o link em seu site ou e-mail para que o cliente assine por conta própria. Você não fica responsável por suporte e não pode determinar os preços. Seus ganhos são por comissão, que podem ser fixas (por venda) ou uma porcentagem do valor assinado e pago pelo cliente. Nesta modalidade, você é apenas um agente de marketing e dependendo da empresa, pode ser necessário que você se torne um cliente para poder usar o programa de afiliados.

Indicações: Webdesigners, webmasters, pessoas que não tenham muito conhecimento em hospedagem.

Prós: Você apenas tem o trabalho de indicar o host, não tem que dar suporte nem tem de investir em mais nada, apenas em receber as comissões; Você não se preocupa se o cliente pagou ou não.

Contras: Fica claro que você não tem poder de decisão e não pode promover alterações na empresa, planos ou serviços; Não apresenta oportunidades de crescimento. Se você crescer, não tem como trazer os clientes para o seu servidor, pois ele estão em outra empresa e você não possui os dados das suas contas.

Quem oferece: HostGator, HostDime, Insite, KingHost, Locaweb

Programa por conta

No sistema por contas, é como se você tivesse uma revenda propriamente dita, mas com o diferencial que você paga por conta. É, basicamente, como revender Natura: eles te passam o perfume a R$50,00 (na venda direta pro cliente, ele custa R$ 75,00) e você vende a quanto achar melhor. Você é responsável pelo suporte, os clientes são seus, mas está restrito a usar apenas os planos e serviços com as mesmas configurações (espaço e transferência, por exemplo) do mesmo modo que o seu provedor.

Indicações: Webdesigners, webmasters, pessoas que não tenham muito conhecimento em hospedagem, mas queiram iniciar sem riscos.

Prós: Você usa a estrutura de uma empresa e pode se auto-proclamar uma franquia.

Contras: A não ser que você tenha capital de giro, você tem que esperar o cliente te pagar para você repassar para a empresa; Impossibilidade de adequar planos ou serviços.

Quem oferece: HostNet, DialHost…

Revenda ou Servidores Virtuais

A famosa revenda é o ponto de início de muitas pessoas que hoje tem grandes empresas de hospedagem. Também chamada de servidores virtuais, essa modalidade te permite o mesmo ambiente de um dedicado, com algumas restrições. Aqui, você já pode se chamar de empresa de hospedagem, pois você hospeda, recebe de seus clientes e este dinheiro vai para você mesmo. Há apenas o custo da sua revenda. Aqui, é como se você alugasse uma loja em um prédio comercial para vender os seus produtos.

Indicações: Webmasters, pessoas com um conhecimento razoável de Internet (FTP, DNS, E-mail, etc).

Prós: Usar a estrutura de outra empresa já estabelecida, ter seu próprio DNS, nome, domínio, etc…

Contras: Ainda depender do provedor para suporte em casos mais complicados.

Quem oferece: HostGator, HostDime, Insite, KingHost, Locaweb

VPS

VPS quer dizer Servidor Privado Virtual, ou seja, é uma forma de hospedagem na qual o servidor simula um ambiente de servidor dentro dele. É como ter um outra família morando no seu quintal: eles podem ter sala, cozinha, quartos, decorar tudo do jeito que quiserem, desde que dentro do mesmo terreno. Ele dá mais autonomia em relação a instalação de serviços e mais privilégios para o administrador. O interessante é que este ambiente virtual pode simular qualquer computador, você escolhe memória, capacidade de HD e processador.

Indicações: Pessoas com conhecimentos de rede, internet e servidores…

Prós: Custo baixo em relação a um servidor dedicado;

Contras: Hardware limitado, você ainda divide um servidor com outras pessoas…

Quem oferece: TeHospedo, TI Fácil…

Servidores Dedicados

O servidor dedicado é a Meca das empresas de hospedagem. É o que todo mundo almeja, crescer tanto e pegar um dedicado. Aqui, você tem um servidor só para você, com a configuração que você puder pagar, com os softwares que desejar.

Indicações: Pessoas com conhecimentos avançados de rede, internet e servidores…

Prós: Independência, autonomia…

Contras: Alto custo, manutenção constante.

Quem oferece: HostGator, HostDime…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here