Hospedagem gerenciada: qual escolher?

0
143
views

Hospedagem gerenciada é a solução perfeita para usuários novatos, já que permite desfrutar dos benefícios da sua conta sem ter que lidar com tarefas administrativas comumente associadas à manutenção de um servidor.

Quais os diferentes tipos de hospedagem gerenciada?

Há vários tipos de planos de gerenciamento disponíveis no mercado – cada um dá um certo nível de controle ao cliente. Para os mais inexperientes com baixo orçamento, existem planos com gerenciamento completo que envolvem pouco ou nenhum trabalho administrativo/técnico. Dependendo do plano, a quantidade de trabalho a ser executada pelo cliente final varia muito. Para usuários que demandem o mínimo de trabalho existe o gerenciamento completo e para os mais avançados há os planos parcialmente gerenciados.

Completamente gerenciado

Um serviço completamente gerenciado por soar como algo em piloto automático, entretanto este não é o caso. Logo, é importante certificar-se de que você sabe pelo que está pagando antes de optar por um plano específico. Em geral, um serviço deste tipo é o mais cômodo e fácil que se vai encontrar. Os usuários geralmente precisam apenas informar as suas necessidades e os ajustes são feitos, o servidor é configurado para tais necessidades. Altamente recomendado para iniciantes.

Parcialmente gerenciado

Um tanto diferente da opção acima, no plano parcialmente gerenciado você terá de executar funções mais administrativas para manter seu servidor funcionando de modo otimizado. Apesar de parecer desvantagem por ter mais trabalho, ele permite maior controle sobre o servidor. Enquanto os novatos vêem estas tarefas como fardo, usuários mais avançados tendem a achar absolutamente necessário ter controle total ou parcial sobre a máquina.

Controle ou conveniência?

Se você ainda não sabe por qual optar, encare a decisão de um modo simples: controle x conveniência. Se você precisa de mais controle, o parcialmente gerenciado deve servir; Entretanto, se você procura algo descomplicado e não quer se preocupar com aspectos técnicos, fique com o completamente gerenciado.

Ao escolher o serviço completo, esteja atento aos itens inclusos, verifique se este é mesmo “completamente” gerenciado e se o suporte funciona em tempo integral. Se você quer mesmo é meter a mão na massa, certifique-se de que no seu plano parcialmente gerenciado, você terá acesso aos serviços e painéis que precisa.

Independente da sua decisão, esteja sempre informado e leia cada linha de termo de uso para não haver mal-entendido ou surpresas no meio do caminho.

Eu optei pelo serviço completamente gerenciado, não me importo de pagar um pouco a mais – em geral o pacote completo é mais caro – para ter sossego e poder focar no lado administrativo dos meus projetos.

Um terceiro caminho seria assinar um servidor sem plano de gerenciamento e contratar à parte com empresas como a SIERTI e a WIDECOM.

Trabalha com consultoria e hospedagem de sites no Netmundo, escreve sobre estas experiências aqui no Portal do Host.
SHARE

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here